Revista de Medicina Desportiva Informa Novembro 2012 - Page 20

por cima e ao serratus anterior por baixo , vai ser estirado quando o ombro ou a parede torácica são deprimidos ou o pescoço é fletido lateralmente para o lado contrário , aumentando forçadamente o ângulo entre a cabeça e o ombro / parede torácica ). Embora rara , também pode ocorrer uma lesão compressiva por hipertrofia do músculo escaleno médio . É importante referir que apesar da lesão do nervo longo torácico ser a causa mais frequente de escápula alada , a mesma se pode dever a lesão do espinhal acessório ou do nervo escapular dorsal que inervam os rombóides e o levantador da omoplata . Nas causas não traumáticas inclui-se a amiotrofia neurálgica 2 , 3 , 4 .
A atrofia deste músculo observa- -se indiretamente pela presença de escápula alada . Pede-se ao utente que se posicione em frente a uma parede e eleve anteriormente os membros superiores a 90 º, como se a fosse empurrar , mantendo os cotovelos em extensão ( Figura 5 ).
Atrofia do músculo deltoide
Peça ao doente que levante os cotovelos para os lados e depois ofereça resistência como mostrado na Figura 6 . O principal músculo responsável por este movimento é o deltoide , que é inervado pelo nervo axilar com origem na raiz C5 . A atrofia pode ser observada nas fibras anteriores ( Figura 7 ), médias ( Figura 8 ) e / ou posteriores ( Figura 9 ).
axilares . A amiotrofia neurálgica é uma causa não traumática . Na fase inicial da lesão o membro superior pode ser deixado ‘ pendurado ’ de modo não funcional . Mais tarde as ações suplementares dos músculos da coifa dos rotadores , incluindo o supraespinhoso , podem conduzir à abdução do ombro , mesmo sem qualquer ação do deltoide . Há uma zona de perda sensitiva sobre a face superior do braço .
Fig . 7 – Fibras anteriores do deltoide Fig . 8 – Fibras médias do deltoide Fig . 9 – Fibras posteriores do deltoide
O nervo axilar também inerva o pequeno redondo , cuja fraqueza é difícil de avaliar , uma vez que a sua função é substituída por outros músculos , como o infraespinhoso . Pode tentar-se a sua observação ( Figura 10 ). A maioria das lesões resolve- -se espontaneamente 2 , 3 , 4 .
Fig . 10 – Pequeno Redondo
Atrofia do músculo bicípite braquial
puxe a mão em direção à face ( n . b . o antebraço deve estar supinado , senão pode estar a ser usado o brachioradialis ), como na Figura 11 2 , 3 , 4 .
Atrofia do músculo tricípite braquial
Embora também não seja frequente , pode estar presente na radiculopatia de C7 ou na compressão do nervo radial na axila . Esta compressão pode ser causada pelo uso de muletas axilares , sendo , por isso , por vezes designada por « neuropatia das muletas ». No entanto , também se pode dever a traumatismos do ombro , fraturas do úmero , tumores ou anomalias musculares do coracobrachialis ou do próprio tricípite braquial . O quadro carateriza-se ainda por punho pendente e atrofia de todos os músculos inervados pelo radial . O reflexo tricipital está ausente . Ocorre hipostesia no território do nervo radial superficial . A maioria dos casos resolve-se em dias ou semanas 2 , 3 , 4 .
Atrofia do músculo primeiro interósseo dorsal
A atrofia localiza-se na região mostrada na Figura 12 . Este músculo é inervado pelo cubital , com origem na raiz T1 . Na lesão do nervo cubital poderá ainda pesquisar-se a atrofia do adutor do polegar ( Figura 13 ), restantes interósseos dorsais ( Figura 14 ) e interósseos palmares ( Figura 15 ).
Os músculos da eminência
Fig . 6 – Teste muscular do deltoide
Não é uma atrofia frequente , uma vez que o nervo musculocutâneo não é habitualmente comprimido . No entanto , pode surgir na radiculopatia de C5 e C6 . Para o teste deve-se estabilizar o cotovelo e punho do utente , pedindo-lhe de seguida que
As lesões do nervo axilar podem ocorrer secundariamente à luxação inferior do úmero ( o nervo é distendido pela cabeça umeral ), a fraturas do colo cirúrgico do úmero , a feridas penetrantes e a pressões na axila com direção superior , tal como acontece no uso incorreto de muletas
Fig . 11 – Teste muscular do bicípite braquial
Fig . 12 – Primeiro interósseo dorsal Fig . 13 – Adutor do polegar
hipotenar também estão atrofiados , nomeadamente o abdutor ( Figura 16 ), o oponente ( Figura 17 ) e o flexor do dedo mínimo ( Figura 18 ).
18 · Novembro 2012 www . revdesportiva . pt
por cima e ao serratus anterior por baixo, vai ser estirado quando o ombro ou a parede torácica são deprimidos ou o pescoço é fletido lateralmente para o lado contrário, aumentando forçadamente o ângulo entre a cabeça e o ombro/parede torácica). Embora rara, também pode ocorrer uma lesão compressiva por hipertrofia do músculo escaleno médio. É importante referir que apesar da lesão do nervo longo torácico ser a causa mais frequente de escápula alada, a mesma se pode dever a lesão do espinhal acessório ou do nervo escapular dorsal que inervam os rombóides e o levantador da omoplata. Nas causas não traumáticas inclui-se a amiotrofia neurálgica2,3,4. A atrofia deste músculo observa-se indiretamente pela presença de escápula alada. Pede-se ao utente que se posicione em frente a uma parede e eleve ante [ܛY[H›Y[X\\[ܙ\HL0[BHH[\\\X[[ݙ[[H^[ Y\H JK]ٚXHp[[YBpH[[H]YH][H˜ݙ[\HYH\\›ٙ\pH\\0ꛘXH[[Y›HY\H [\[p[œ\ۜ][܈\H[ݚ[Y[°H[YK]YH0H[\Y[›\^[\HܚY[HHZ^KH]ٚXHH\؜\YH\™X\[\[ܙ\ Y\H KpYX\ŠY\H HKH\[ܙ\ Y\HJK^[\\ˈH[Z[ٚXH]\[XH0B[XH]\H][p]XKH\B[XX[H\Y[X\\[܂H\Z^Y8&[\Y&HB[[[ۘ[ XZ\\H\˜pY\\[Y[\\p[™HYHYܙ\[Z[œ\Y\[[Hۙ^\XpXY\[[B]X[]Y\p[YK0H[XBۘHH\H[]]H؜HHXB\\[܈p˂Yˈ 8$X\[\[ܙ\[YBYˈ8$X\pYX\[YBYˈH8$X\\[ܙ\[YB\^[\[X[H[\Hœ\]Y[YۙZH\]Y^BHYX[H][X\[XH^]YHBXH[0HX]pYH܈]›p[[[Y\[ˈB[\\HHXB؜\pŠY\H L KBXZ[ܚXH\›\Y\\K\H\۝[X[Y[L Yˈ L8$\]Y[”Yۙ‚]ٚXHp[X\]B\]ZX[Yˈ 8$\H]\[\[YB\\Y\\^[\[Bܜ\X[\X[Y[H0^pš[\[܈0Y\ \0H\[Y[HXpH[Y\[ KH]\\™\X0Y\H\Y\œ[][\HH\Y\H^[BH\p\\[܋[[X۝XH\[ܜ]H][]\ŒN0ݙ[X L˜]\ܝ]K^HHp[H\p0XH [Xp]H\\\[Y[H\\H\\YX[ܘYX[\K[HY\H LL ]ٚXHp[X\]B\]ZX[[XܘH[X[HZH\]Y[KH\\\[HHYX[]XBHHH\\\œYX[H^[K\H\\H\]\YB[\H][]\^[\\[܈\܂^\\YۘYH܈0ۙ]\]XH\][]\ˈ™[[[X[HHB]\H][X]\[›X]\\0Y\[[ܙ\H[X[X\›]\[\\ܘX؜XX[\Hœ[X\]H\]ZX[ ]XY˜\]\^K\HZ[H܈[[[HH]ٚXHHp[š[\Y[YX[ Y^X\][\0H]\[KܜH\\XH\]0ܚ[\YX[\\XX[ BXZ[ܚXH\\K\H[HX\›H[X[\̋ ]ٚXHp[[YZ\š[\[ܜ[H]ٚXH[^K\HHYp›[YHHY\H L\Hp[°H[\Y[X][ HܚY[BHZ^ KH\\X][\HZ[H\]Z\\\HH]ٚXBY]܈Y\ Y\H LK\[\[\[ܜZ\ Y\H M BH[\[[X\\ Y\H MJKp[H[Z[ꛘXB0H[XH]ٚXH\]Y[K[XB^]YH\]\[]0蛙[›0HX]X[Y[H\[ZY˂[[H\\HYX[]XHHHH͋\H\H]K\B\X[^\ݙ[H[][KY[[HHYZYH]YBYˌLH8$\B]\[\˜X\]H\]ZX[Yˈ L8$[YZ\[\[ܜ[Yˈ L8$Y]܈Y\\[\[X[H\0]ٚXYYXY[Y[HX]܂Y\H MKۙ[H Y\H MHB^܈Yp[[[ Y\H N K