Revista de Medicina Desportiva Informa Março 2017 - Page 18

Glucosamina oral
A glucosamina participa da síntese dos glicosaminoglicanos , proteglicanos e hialuronato da cartilagem articular 14 , além de atuar como inibidor das metaloproteases , da produção de óxido nítrico , de IL-1 e FCT , tendo também ação sobre os osteoclastos e no tecido sinovial . O seu mecanismo de ação ainda não está completamente elucidado . Estudos em vitro referem que a adição de glucosamina a condrócitos aumenta a síntese de proteoglicanos . 14 Existe nas formas sulfatadas ( provenientes da casca de camarão ), hidroclorídrica / cloridrato ( casca de caranguejo ) e sintética ( sulfatada ).
A dose concentração mínima de terapêutica de glucosamina sintética no sangue e no líquido sinovial é de 10μMol . A glucosamina hidroclorídrica , 500mg três vezes ao dia , origina a concentração de 3 µ Mol no líquido sinovial ( menor do que a da dose terapêutica ). 18-20 As meta-análises recentes demonstraram que a glucosamina na forma sintética ( sulfatada ) tem eficácia superior à do placebo na diminuição do estreitamento articular quando administrada em dose única diária de 1500mg por um período mínimo de 2 anos 15 , ou seja , parece haver um efeito condroprotetor . Quando avaliados os benefícios funcionais e no alívio da dor , várias meta-análises
1 , 15 , 16 revelaram resultados mistos . É segura , uma vez que o uso prolongado de glucosamina parece não estar associado a riscos cardiovasculares , nem a reações adversas major quando comparados com placebo . 1
Condroitina
O sulfato de condroitina é um glicosaminoglicano encontrado em vários tecidos humanos , inclusive na cartilagem hialina . A sua forma farmacêutica é geralmente derivada de fontes animais , como a cartilagem de tubarão e cartilagem suína . Como acontece com a glucosamina , o seu mecanismo de ação não está completamente compreendido . In vitro , demonstra capacidade anti- -inflamatória , anti-catabólica , anti- -apoptótica e efeitos anti-oxidantes . 24 Além disso , parece promover a estimulação direta da cartilagem e promove a retenção de água por parte do proteoglicano ( aumento do volume da cartilagem sob stress
16 , 18 mecânico ).
Os resultados diferem em relação ao alívio sintomático . Em algumas revisões não houve qualquer benefício significativo da condroitina em relação ao placebo , enquanto noutros estudos os efeitos foram significativos . Os resultados também foram mistos quanto à modificação da doença , com apenas alguns estudos a demonstrarem diminuições estatisticamente significativas do estreitamento da interlinha articular com administração de condroitina
1 , 15 , 18 por um período de 2 anos .
Associação Glucosamina e Condroitina
Um estudo multicêntrico , duplamente-cego , randomizado e controlado com grupo placebo e grupo celecoxib ( GAIT – Glucosamine HCl / chondroitin Arthritis Intervention Trial ) 16 , onde foram incluídos 1583 doentes durante 24 semanas , demonstrou que , no geral , a associação de glucosamina e com condroitina não produzia resultados superiores em termos analgésicos e funcionais quando comparados com placebo , enquanto essa melhoria foi verificada no grupo celecoxib . Separando os doentes com dor moderada a grave , a associação apresentou diferenças com significado estatístico em relação ao grupo placebo , sugerindo algum benefício nesse subgrupo . 16 Os resultados desse estudo são difíceis de interpretar tendo em conta a elevada resposta ao placebo , a seleção dos doentes e ao facto de se ter estudado a forma hidroclorídrica ( não está claro se esta última tem os mesmos benefícios clínicos potenciais que o sulfato de glucosamina , porque a maioria dos estudos que revelou eficácia para a glucosamina utilizou a forma sulfatada ). 8
Ácido hialurónico
A concentração e o peso molecular do ácido hialurónico são dois dos fatores mais importantes que determinam a capacidade do líquido sinovial de resistir a forças de cisalhamento . 15 Os doentes com osteoartrose têm diminuição da concentração e do peso molecular do ácido hialurónico no líquido sinovial , o que leva a perda da viscosidade e , consequentemente , das funções de lubrificação e absorção de choque , contribuindo para a progressão da degenerescência articular e ativação das vias inflamatórias . A viscossuplementação com ácido hialurónico foi desenvolvida para promover um alívio mais duradouro da dor , recuperação funcional e retardar a progressão da doença . 22 Os mecanismos propostos para justificar o efeito são a estimulação da produção endógena de ácido hialurónico , a supressão da degradação da matriz cartilagínea e a supressão da resposta inflamatória da IL-1 . Estão disponíveis diferentes formulações : baixo peso molecular , peso molecular intermédio e alto peso molecular . O alto peso molecular tem maior viscosidade , o que diminui a clearance articular , e tem semivida maior , o que , teoricamente , aumentaria o potencial e a duração do seu efeito . 22 As injeções intra-articulares de ácido hialurónico demonstraram eficácia variável na diminuição da perda cartilagínea após um período mínimo de um ano . Uma das dificuldades na avaliação desta evidência prende-se com o facto da utilização de diferentes formulações nos diferentes estudos . 15 Numa meta-análise realizada por Gallagher et al , os autores concluíram que pode haver benefício estrutural com o tratamento anual com a fórmula de alto peso molecular . 15 Num artigo de revisão incluindo seis meta-análises , Ammar et al verificaram resultados variáveis em termos analgésicos e funcionais , justificando esses resultados com o facto de serem utilizadas diferentes preparações e também com a falta de uniformização dos doentes estudados . 22
Outros suplementos
A maioria dos estudos não demonstrou evidência de que a administração de vitaminas D e E alivia os
16 Março 2017 www . revdesportiva . pt