Revista de Medicina Desportiva Informa Julho 2016 - Page 36

1 . Resumo das Características do Medicamento REUMON ® Gel , revisto pela última vez em Julho de 2014 :
REUMON Loção , etofenamato 100 mg / ml de emulsão cutânea ; REUMON Gel , etofenamato 50 mg / g de gel ; REUMON Creme , etofenamato 100 mg / g de creme . Indicações terapêuticas : REUMON está indicado em situações dolorosas do aparelho locomotor , desde que a sintomatologia seja localizada , tais como : artropatias ( periartrite , artrite , poliartrite , espondilose , osteoartrose ); mialgias ; bursites ; tenossinovites ; fibrosites ; nevralgias ( síndroma cervical , lombalgias , ciatalgias ); contusões , entorses , distensões ( associadas , por exemplo , a traumatismos desportivos ). Posologia e modo de administração : REUMON deve aplicar-se 3-4 vezes ao dia , massajando-se suavemente sobre a zona afectada . A quantidade a aplicar varia de acordo com a extensão afetada . A duração do tratamento é variável com a situação clínica a tratar . No caso de doenças reumáticas , o tratamento durante 3 a 4 semanas é normalmente suficiente . A duração do tratamento nos traumatismos agudos ( por exemplo , associados à prática de desporto ) pode prolongar-se até às 2 semanas . Não utilizar em grávidas , crianças e insuficientes renais , uma vez que a experiência clínica não é suficiente . Contraindicações : alergia ao etofenamato ou ao ácido flufenâmico , ou a qualquer um dos excipientes de REUMON . A sua utilização está contraindicada em doentes que tiveram reações de hipersensibilidade , tais como sintomas de asma , rinite alérgica ou urticária , ao ácido acetilsalicílico ou a outros anti-inflamatórios não esteroides ; em superfícies eczematosas ou feridas abertas ; nas mucosas ou nos olhos ; em grávidas , crianças ou insuficientes renais , uma vez que a experiência clínica não é suficiente . Efeitos indesejáveis : Em aproximadamente 5 % dos utilizadores de REUMON pode observar-se rubor cutâneo e em 2 % podem desenvolver-se reações alérgicas cutâneas ( prurido , eritema , erupção , edema ). Reações bolhosas incluindo síndroma de Stevens-Johnson e necrólise epidérmica tóxica ( muito raro ). Apresentações : Reumon Gel embalagens de 60 g , 100 g e de 150 g , Reumon Loção embalagem de 100 ml e de 200 ml e Reumon Creme embalagem de 100 g . Para mais informações deverá contactar o titular da AIM : BIAL – Portela & C .ª, S . A . – À Av . da Siderurgia Nacional – 4745-457 S . Mamede do Coronado – Portugal . Capital Social € 50.000.000 – Sociedade Anónima – Matrícula N .º 500 220 913 Conservatória do Registo Comercial da Trofa – NIPC 500 220 913 – www . bial . com – info @ bial . com . Medicamento não sujeito a receita médica . Não comparticipado . DIDSAM111118
RM / OUT14 / 028
REUMON Loção, etofenamato 100 mg/ml de emulsão cutânea; REUMON Gel, etofenamato 50 mg/g de gel; REUMON Creme, etofenamato 100 mg/g de creme. Indicações terapêuticas: REUMON está indicado em situações dolorosas do aparelho locomotor, desde que a sintomatologia seja localizada, tais como: artropatias (periartrite, artrite, poliartrite, espondilose, osteoartrose); mialgias; bursites; tenossinovites; fibrosites; nevralgias (síndroma cervical, lombalgias, ciatalgias); contusões, entorses, distensões (associadas, por exemplo, a traumatismos desportivos). Posologia e modo de administração: REUMON deve aplicar-se 3-4 vezes ao dia, massajando-se suavemente sobre a zona afectada. A quantidade a aplicar varia de acordo com a extensão afetada. A duração do tratamento é variável com a situação clínica a tratar. No caso de doenças reumáticas, o tratamento durante 3 a 4 semanas é normalmente suficiente. A duração do tratamento nos traumatismos agudos (por exemplo, associados à prática de desporto) pode prolongar-se até às 2 semanas. :6WFƗ"Vw,:fF27&:v2R7Vf6VFW0&V2VfWVRWW&:66:6:6 :7Vf6VFR6G&F6:|;VW3W&vWFfVFR :6FfVfV:&֖6RVVW"VF2W6VFW2FR$UT7VWFƗ:|:6W7L:6G&F6FVFVFW2VRFfW&&V:|;VW2FRW'6V6&ƖFFRF266F2FR6&FR:&v6RW'F<:& :6F6WF6Ɩ<:Ɩ6RWG&0F֖fL;7&2:6W7FW&FW3V7WW&l:6W2V7VF62RfW&F2&W'F32V662R2Ɔ3Vw,:fF27&:v2R7Vf6VFW2&V2VfWVRWW&:66:6:6 :7Vf6VFRVfVF2FW6V:fV3V&FVFPRRF2WFƗF&W2FR$UTFR'6W'f"6R'V&"7WL:&VRV"RFVFW6VffW"6R&V:|;VW2:&v627WL:&V0'W&FW&FVW'W :|:6VFV&V:|;VW2&Ɔ626VF<:G&FR7FWfV2Ԧ6RV7,;6Ɨ6RWL:&֖6L;76VF&&&W6VF:|;VW3&WVvVV&vV2FRcrrRFRSr&WV:|:6V&vVFRRFR#R&WV7&VRV&vVFRr&2f&:|;VW2FWfW,:6F7F"FGV"FӢ$( 2'FVb2*2( 2 8bF6FW'W&v6( 2CsCRCSr2VFRF6&F( 2'GVv6F66(*S( 266VFFR;6( 2G,:7V+S##266W'fL;7&F&Vv7F6W&6FG&f( 22S##2( 2wwr&6( 2f&6VF6VF:67VVF&V6VF:F6:66'F6FDE4$UCB#&W7VF26&7FW,:7F62FVF6VF$UT*vV&Wf7FV ;FfWVVƆFR#C