Revista de Medicina Desportiva Informa Janeiro 2017 - Page 27

demonstrou a não consolidação da fratura , mas apresentando-se na altura assintomático . O paciente retornou a atividade física após as oito semanas , mantendo-se assintomático e sem restrições na prática de exercício físico .
Discussão
As fraturas com arrancamento da EIAS são lesões raras associadas a traumatismos desportivos que ocorrem em pacientes jovens , mais comumente no sexo masculino ( 13:1 ) 7-15 . Este tipo de fraturas ocorre como resultado de lesão aguda . Todavia , as fraturas de stresse crónicas existentes nas apófises ilíacas podem predispor a este padrão de fraturas . As lesões de stresse são muitas vezes não diagnosticadas no momento da apresentação inicial , podendo as lesões repetitivas posteriormente progredir para uma fratura avulsão aguda 16 .
Os pacientes , muitas vezes , relatam um estouro / estalo no momento da lesão e queixam-se de fraqueza do membro inferior acometido , o que pode conduzir ao diagnóstico errado de lesão muscular aguda . No entanto , o exame físico pode revelar dor localizada e fraqueza na flexão do quadril e na extensão do joelho e as lesões graves podem originar claudicação 1 .
As fraturas com arrancamento da EIAS , sem sintomas neurológicos , podem ser tratadas de forma conservadora , estando a redução aberta e a fixação interna reservada para os casos em que há desvio de mais
5 de três centímetros , nos pacientes que necessitem de um período de convalescença rápida ( atletas ), nas pseudoartroses e na meralgia parestésica resultante da tração / compressão do nervo cutâneo femoral lateral 1 , 9 , 10 , 12 , 14 , 15 .
Este caso alerta para a importância do diagnóstico e tratamento adequado das fraturas avulsões das apófises da bacia , designadamente da EIAS , a fim de evitar as complicações decorrentes do tratamento desajustado deste tipo de fraturas por avulsão no esqueleto imaturo , nomeadamente deformidades e limitação funcional .
Ainda que as fraturas por avulsão apofisárias do quadril e da pelve constituam lesões pediátricas raras , a crescente prática de exercício físico pelas crianças e adolescentes e a melhor acessibilidade aos meios complementares de diagnóstico , contribuem para que estas fraturas sejam cada vez mais reconhecidas e tratadas adequadamente 1 . Apesar de o tratamento cirúrgico destas lesões raramente estar indicado , é importante saber identificar este tipo de lesões , pois podem por vezes ser confundidas com infeção , miosite ossificante e sarcoma de Ewing .
Conclusão
Este relato de caso pretende destacar a existência de fraturas avulsões da EIAS em pacientes jovens que sofreram traumatismos indiretos . De realçar que a falta de diagnóstico ou de tratamento adequado destas lesões pode conduzir a resultados insatisfatórios , como deformidades e limitação funcional .
Bibliografia
1 . McKinney B , Nelson C , Carrion W . Apophyseal Avulsion Fractures of the Hip and Pelvis . Orthopedics . 2009 ; 32 ( 1 ): 42 .
2 . Kameyama O , Ogawa R . Avulsion fracture of the iliac spine during sporting activity : Report of 30 fractures and their outcome . Journal of Orthopaedic Science . 1996 ; 1 ( 6 ): 356-362 .
3 . Dhinsa B , Jalgaonkar A , Mann B , Butt S , and Pollock R . Avulsion fracture of the anterior superior iliac spine : misdiagnosis of a bone tumour . J Orthop Traumatol . 2011 ; 12 ( 3 ): 173 – 176 .
4 . Rossi F , Dragoni S . Acute avulsion fractures of the pelvis in adolescent competitive athletes : prevalence , location and sports distribution of 203 cases collected . Skelet Radiol . 2001 ; 30:127 – 131 .
5 . Ishikawa H , Kuroda T , Ishikawa O , Sueyoshi K , Miyake H , Ishikawa M . Avulsion fractures of the anterior iliac spines in young athletes . Bull Allied Med Sci Kobe . 1990 ; 6:115 – 119 .
6 . White K , Williams S , Mubarak S . Definition of two types of anterior superior iliac spine avulsion fractures . J Pediatr Orthop . 2002 ; 22:578 – 582 .
7 . Buch K , Campbell J . Acute onset meralgia paraesthetica after fracture of the anterior superior iliac spine . Injury 1993 ; 24:569 – 70 .
8 . Lombardo S , Retting A , Kerlan R . Radiographic abnormalities of the iliac apophysis in adolescent athletes . J Bone Joint Surg [ Am ] 1983 ; 65:444 – 6 .
9 . Cimerman M , Smrkolj V , Veselko M . Avulsion of the anterior superior iliac spine in two adolescent sisters : operative versus conservative treatment . Unfallchirurg 1995 ; 98:530 – 1 .
10 . Khoury M , Kirks D , Martinez S , et al . Bilateral avulsion fractures of the anterior superior iliac spine in sprinters . Skeletal Radiol . 1985 ; 13:65 – 7 .
11 . Lambert MJ , Fligner DJF . Avulsion of the iliac crest apophysis : a rare fracture in adolescent athletes . Ann Emerg Med . 1993 ; 22:1218 – 20 .
12 . Risser J . Iliac apophysis . Clin Orthop . 1977 ; 122:366 . 13 .
13 . Thanikachalam M , Petros J , O ’ Donnell S . Avulsion fracture of the anterior superior iliac spine presenting as acute-onset meralgia paraesthetica . Ann Emerg Med . 1995 ; 27:515 – 17 .
14 . Rosenberg N , Noiman M , Edelson G . Avulsion fractures of the anterior superior iliac spine in adolescents . J Orthop Trauma . 1996 ; 10:440 – 3 .
15 . Veselko M , Smrkolj V . Avulsion of the anterior superior iliac spine in athletes : case reports . J Trauma . 1994 ; 36:444 – 6 .
16 . Clancy W , Foltz A . Iliac apophysitis and stress fractures in adolescent runners . Am J Sports Med . 1976 ; 4:214 – 18 .
Figuras 5 e 6 : Radiografia ( 5 ) e TAC ( 6 ) que demonstram a avulsão parcial da espinha ilíaca ântero- -superior , ainda sem resolução completa do processo e sem ossificação , apesar do paciente estar assintomático .
6
Revista de Medicina Desportiva informa Janeiro 2017 · 25