Revista Crea-SP | nº 11 - Page 24

CULTURA Um passeio pela Capital vestida para o Natal Colaboração: André Maschie o (Biblioteca) CARTÕES POSTAIS NATALINOS Quem vem de outras cidades para passear, trabalhar ou mesmo morar, inicialmente estranha a cor cinza de São Paulo e o tanto de gente que circula pela Capital. Claro que quem é nascido aqui ou já está na capital do Estado há tempos consegue enxergar beleza na cidade. No centro an go ainda encontramos algum verde entre uma e outra rua, entre um e outro prédio. Na Avenida Paulista, por exemplo, temos um parque inteiro para visitação. Mesmo que alguém passe distraído, com um pouco mais de atenção vai perceber como é bonito o Parque Trianon. Uma ilha de verde num mar de tanto prédio e concreto. Mas, quando chega o período que antecede o Natal, as ruas e os prédios ganham uma nova cara, mais alegre e iluminada, com a decoração especial de fi m de ano. A cidade par cipa de uma festa de cores, uma prá ca já tradicional. Aliás, existe até um concurso para determinar o local mais bonito, melhor decorado e mais animado para as festas: um Natal iluminado! 24 | R E V I S T A CREA-SP O NATAL NO CENTRO DA CIDADE facebook.com/sptrans Já é uma tradição a montagem da Árvore de Natal no Parque do Ibirapuera. Sempre muito bem decorada, atrai a atenção de crianças, jovens e adultos e se transforma em um dos lugares mais procurados para rar fotos e assis r a apresentações musicais que ocorrem todos os dias até a chegada do Natal e seguem até o começo do ano. Outro local que fi ca muito bem decorado e iluminado é a Avenida Paulista, que ainda se mantém como um local de visitação seja para compras ou apenas passeios. Na região temos três grandes shoppings (Center 3, Cidade de SP e Pá o Paulista) e a Igreja de São Luiz Gonzaga, tradicional na cidade e que tem uma variada programação natalina, com corais e missas especiais. Outros shoppings também se preparam com boa antecedência, ajudando a dar aquele clima de festa na cidade. Podemos destacar o Shopping Light, no Centro, os shoppings Iguatemi e Eldorado, em Pinheiros, e o Aricanduva, na Zona Leste. Seja na fachada com um Papai Noel gigante ou em suas praças internas, decoradas com personagens natalinos, sempre fazem a alegria da garotada. A cidade toda se transforma e ajuda a criar um cenário para o fi nal de um ano e começo de outro período, com novas esperanças e expecta vas, com desafi os e alegrias, compar lhadas com os amigos e a família. Fonte: saopauloan ga Quem viveu dos anos 1960 até meados de 1990 deve se lembrar da decoração de Natal no centro da cidade. As luzes se destacavam muito em um tradicional espaço de compras da cidade chamado Mappin. Essa loja caprichava na decoração e era a alegria das crianças, sempre com brinquedos e novidades. Era um local certo para visitação. Muita gente que eu conheço se lembra dessa época com saudades. Saudades da loja e do que ela representa na memória afe va de muitas pessoas. Lembranças de outra época, um ponto de referência para encontros e passeios pelas ruas iluminadas de São Paulo. Iran Monteiro 2018 MUSEU DA ARTE SACRA O Natal é uma das festas mais importantes para os Cristãos. Comemoramos o nascimento de Cristo como um momento de renovação. Esse clima se reproduz também no Ano Novo, período em que aproveitamos para agradecer o que foi produzido e conquistado durante o ano e de preparação para o ano que se inicia. O principal símbolo do Natal, além do Papai Noel e dos presentes, é a Sagrada Família – representada no Presépio – que é recriado em várias partes do mundo. O Museu de Arte Sacra de São Paulo tem uma grande coleção de Presépios. A coleção tem peças de diversos tamanhos, mostra como os diferentes países representam José, Maria e o menino Jesus e apresenta presépios de vários países das Américas, Europa e até do Japão. É um acervo que merece ser conhecido e tem sua importância destacada durante o período do Natal, pois além de serem obras de arte também carregam em si forte caráter religioso. ◘ SERVIÇO Av. Tiradentes, 676, Luz, Estação Tiradentes do Metrô São Paulo/SP Estacionamento gratuito: Rua Jorge Miranda, 43. O estacionamento possui bicicletário e vagas exclusivas para idosos e defi cientes. Fone: (011) 3326-3336 h p://www.museuartesacra.org.br/pt/ museu/informacoes R E V I S T A CREA-SP | 25