Revista Crea-SP | nº 11 - Page 14

PERFIL Fazendo ARTE, espalhando TALENTO A primavera já está fi cando para trás, o verão vem aí, mas existem ações que não perdem seu efeito (e ganham fôlego extra graças às redes sociais). Uma conhecida ins tuição fi nanceira resolveu comemorar o Dia da Árvore com um post “ilustrado a mão e feito somente com energia limpa” como forma de “pensar todos os dias em soluções para preservar o meio ambiente”. Bacana, né? Mas tudo isso seria apenas OK se a autora da ilustração não fosse a agente administra va Yara de Sousa Tren no (Departamento de Comunicação e Eventos/ SUPCEV). Ou seja: tem colega nossa espalhando por aí seu talento nas artes. Toda a ação aconteceu em um domingo na área externa de uma famosa agência de publicidade na Capital paulista. O processo de produção durou cerca de três horas, com direito a registro por duas câmeras de vídeo, que você pode conferir nas redes sociais da autora. O resultado foi uma ilustração em aquarela, que tem como foco o entorno do Edi cio Al no Arantes, emblemá ca edifi cação do município, terceiro arranha-céu mais alto da cidade e o sé mo mais alto do Brasil, mais conhecido como Banespão. Para compor a ilustração, Yara usou lápis em três durezas, papel 100% algodão de gramatura 300 e granulação média, e nta aquarela profi ssional 24 cores. “Desse total, uso geralmente umas 12 cores, naquilo que é chamado de paleta reduzida”, ressalta, destacando que as principais técnicas u lizadas por ela em seus desenhos são nanquim, aquarela e lápis de cor. Para que tudo saísse a contento, Yara “ensaiou” no dia anterior, esboçando três vezes o desenho. O desafi o compensou: “Era uma oportunidade de experimentar algo que nunca fi z; quando algo te deixa muito inquieto é melhor fazer logo para já perder o medo. É claro que a gente fi ca feliz quando algo que fez vai adiante, com muita gente cur ndo, deixando comentários”, diz. Tímida confessa na hora de falar de seus talentos, esta paulistana de Pirituba completou 40 anos no início de dezembro. Graduou-se em Relações Públicas pela Faculdade Cásper Líbero e, posteriormente, cursou uma especialização em Semió ca Psicanalí ca - Clínica da Cultura pela PUC-SP. No currículo, Yara também contabiliza vários cursos de desenho e artes, como aquarela e ilustração para livros. “Não faço desenho realista, não tenho facilidade para essas coisas mais técnicas, eu reproduzo mais o conceito; quando desenho u lizo máscaras de cognição. Gosto de coisas mais orgânicas que admitem ‘acidentes’; o que eu gosto no desenho é que, se você cometer algum erro, pode contornar e transformar aquilo em algo bonito. Cada imagem toca as pessoas de uma forma diferente”, avalia. Nas artes, são referências: Odilon Moraes, Lúcia Hiratsuka, Lisbeth Zwerger, Edward Gorey, Artur Rackham, Jean Giraud (aka Moebius), Rebecca Dautremer... A lista é longa. Mas ela gosta mesmo é de Toulouse- Lautrec, Gustav Klimt, Egon Schiele e Anita Malfa , “que, de certa forma, têm uma singularidade, que é uma forma de retratar as pessoas, em especial as mulheres, de uma maneira não muito realista”. Com 13 anos de Crea-SP, Yara trabalhou até 2014 na área de atendimento da Unidade Oeste e, em 2015, foi transferida para o Departamento de Comunicação e Eventos (entre um período e outro, chegou a integrar, na área de Informá ca, um grupo de trabalho para desenvolvimento e implantação do sistema web atendimento). Nas horas vagas, Yara curte o marido Fernando e os gatos Banjo e Totoro, além de se dedicar a outro hobby “sério”: a tatuagem (mais isso já é outra história). Yara considera de fundamental importância o apoio às a vidades ar s cas em ambiente familiar. “Em casa sempre teve uns pensamentos de que arte não sustenta ninguém. Nunca ve apoio para estudar arte, o discurso da minha família sempre foi que a gente nha que arrumar um emprego que desse dinheiro e, depois, fazer aquilo que gosta. Agora as coisas já estão mudando um pouco, já vejo alguns primos meus estudando desenho”, fi naliza. Conheça mais sobre a arte da nossa colega em www.yaratren no.com. ◘ JORNALISTA PERÁCIO DE MELO R E V I S T A CREA-SP | 15