Revista Amooreno EDIÇÃO 14 -MAR19 - Page 9

Nova York trabalha para apoiar a moda reciclável O Departamento de Saneamento de Nova York (DSNY) e a Corporação de Desenvolvimento Econômico da Cidade de Nova York se uniram à Fundação Ellen MacArthur para a campanha #WearNext, uma iniciativa para apoiar a moda circular e manter as roupas fora dos aterros sanitários. Por meio da iniciativa britânica "Make Fashion Circular", as organizações da cidade farão parcerias com agentes de coleta, reciclagem e empresas de revenda para combater o desperdício e a poluição na indústria de vestuário em toda a cidade de Nova York. Desde o dia 4 de março até o dia 9 de junho, mais de 1 .1 00 lojas participantes e outros locais em toda a cidade funcionarão como pontos de entrega para roupas indesejadas. Os locais disponíveis estão marcados em um mapa online criado pelo DSNY. As marcas participantes incluem Asos, Athleta, Gap, H&M, Reformation e Zara, bem como empresas de peças de segunda mão, como Bank and Vogue, Hallotex, I: CO, Lenzing e ThredUp. De acordo com um comunicado de imprensa, os aterros de Nova York coletam cerca de 90 milhões de quilos de roupas por ano. Além disso, a fundação ressalta que 73% dos materiais usados ​ p ara produzir roupas em todo o mundo são aterrados ou queimados depois de descartados, enquanto menos de 1 % das roupas antigas são reutilizadas para criar roupas novas. A iniciativa Make Fashion Circular foi lançada pela Fundação Ellen MacArthur em maio de 201 8 e trabalha para mobilizar esforços internacionais para estabelecer modelos de negócios éticos e circulares dentro da economia da moda. "Como consumidores, sabemos onde compramos nossas roupas e sabemos onde as usamos, mas #WearNext trata da próxima etapa dessa jornada - para onde nossas roupas vão quando as descartamos?”, declarou François Souchet, gestor da Make Fashion Circular. "Ao reunir essas marcas, juntamente com a cidade de Nova York e agentes de reciclagem, temos a oportunidade de garantir que os nova-iorquinos possam encontrar uma nova vida para suas roupas. É um passo importante, mas também precisamos reconhecer que os consumidores não podem resolver os problemas de poluição e resíduos da indústria da moda. Precisamos que a indústria trabalhe em conjunto para criar um sistema no qual as roupas sejam feitas de materiais seguros e renováveis, os novos modelos de negócios ampliem seu uso, e as roupas usadas sejam transformadas em novas”. Os usuários podem encontrar o local de entrega mais próximo em nyc.gov/textiles, enquanto as atualizações da campanha podem ser encontradas usando a hashtag #WearNext. MARÇO 2019 - REVISTA AMOORENO - 9