Preview dos produtos 56b0d82f1a076305614593pdf - Page 9

POR QUE EU? - Eu costumava roubar para usar droga e usar droga para roubar. Quando ia roubar, eu gostava de cheirar cocaína, porque ela estimula a violência, deixa você mais agressivo; você já chega apavorando todo mundo… Apavorar é conquistar respeito no grupo, o que no submundo das drogas pode ser decisivo para a manutenção da (sobre)vida. Por isso, custa caro chegar a esse posto. Uma pesquisa nacional realizada pelo Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas (Cebrid) da Escola Paulista de Medicina, apontou que, em 2004, entre os estudantes que já usaram drogas, é maior a porcentagem dos que faltaram à escola. E os garotos são mais vulneráveis ao uso pesado3 de drogas como maconha, crack, solventes e esteróides anabolizantes. O quinto e mais completo levantamento do Cebrid foi aplicado entre 48.155 estudantes do ensino fundamental e médio das vinte e sete capitais brasileiras. Em Brasília, entre 1997 e 2004, houve aumento no uso frequente de drogas entre as estudantes, e redução entre os adolescentes e jovens do sexo masculino. Mas, entre o sexo feminino, o uso de medicamentos, como as anfetaminas (moderadores de apetite) e os tranquilizantes, é mais frequente. ç 3 Para o Cebrid, o uso pesado é definido como uso de drogas em vinte vezes ou mais, no mês que antecedeu à pesquisa. Ou seja, aquele jovem entrevistado usou drogas em quase todos os dias do mês anterior à pesquisa. 15