mundoH51 - Page 17

1�
E é curioso , sobretudo as mais pequeninas , que as encontramos particularmente aperaltadas e vistosas , qual Dia da Criança ou festa de Natal se tratasse . Relativamente à diminuição do número de alunos , foi uma medida que os auxiliares pedagógicos viram com resistência , por deixarem de acompanhar as “ suas crianças ”. Contudo , poucas semanas depois do arranque do ano letivo , ouvimo-los , rendidos ao facto de já saberem o nome de todos os meninos , contexto familiar e , gradualmente , as necessidades de cada criança ! De volta ao lema do atual ano escolar - “ Todos de regresso à escola com segurança e responsabilidade ” - , interessa também focarmo-nos na dimensão deste desafio , que quer trazer todas as crianças de volta à escola e , portanto , não deixar uma só para trás , e que também inclui a palavra responsabilidade .
Com o apoio de todos os padrinhos e madrinhas , responsabilizamo-nos pela distribuição de kits escolares , compostos por sacola Helpo e material escolar diverso , conforme o grau de ensino . Sensibilizamos os professores e líderes comunitários para a importância do seu papel ativo na comunidade , na sinalização de crianças e jovens , que devam estar na escola e não estão . Neste contexto , atualmente , integramos um projeto liderado pelo MEES e pela UNICEF , que envolve 3 organizações da sociedade civil : Helpo , Step Up e ADRA . Nos próximos meses , trabalharemos em conjunto para garantir que as crianças mais vulneráveis de São Tomé e Príncipe , do ensino pré-escolar ao ensino secundário , tenham melhores condições de aprendizagem através da entrega de 1 kit personalizado , de incentivo ao regresso à escola .
Procurando diversificar os espaços educativos em contexto pré-escolar , a Helpo , com o financiamento da Fundação Calouste Gulbenkian , fez coberturas exteriores em 3 Jardins de Infância do distrito de Lembá , assegurando um outro espaço pedagógico , desta vez no exterior , com circulação de ar e em área que permite assegurar o distanciamento social . Num percurso marcado por desafios e dificuldades , vamos também construindo pontes e alargando as parcerias em São Tomé e em Portugal , com a certeza de , que todos juntos , com sentido de responsabilidade , estamos a contribuir para uma Educação mais acessível e de maior qualidade em São Tomé e Príncipe !