LIVRO 1 edição - Page 14

José Ribamar dos Santos

Natural de São Luis do Maranhão, tem 31 anos.

Chegou em São Paulo em 2010 para trabalhar na construção civil, estudou até o 5ºano e nos conta um pouco da sua vida.

“Assim que cheguei em São Paulo, fui morar na região do Brás com 3 amigos do Maranhão que já estavam em São Paulo, e um deles era usuário de maconha e cocaína, aí entrei nessa, gostei e não conseguia sair mais, quando me dei conta, estava jogado na rua sem nada, perdi documentos e os amigos sumiram, ficava vagando como andarilho pela cidade, no auge da dependência comecei a praticar roubos e furtos, até um dia ser preso".

Ficou preso por 2 anos, assim que saiu, procurou ajuda de seus familiares, com quem mantém contato.

Está no centro de Acolhida há 20 dias, e está esperando seus documentos ficarem prontos para procurar emprego como ajudante de pedreiro.

"Sonho em estudar , quero ser engenheiro, quero construir casas como essas para acolher outras pessoas na mesma situação que a minha, quero arrumar trabalho, estudar, sair na rua de cabeça erguida, ter uma família, minha casa e quem sabe, voltar para o Maranhão!”

THE END