Intelligent CIO LATAM Issue 16 - Page 37

FALANDO DE

‘‘

Negócios

De governo à indústria , a verdade é que a demanda por serviços digitais está aumentando inegavelmente para todos os mercados , em um processo bastante ligado às mudanças de expectativas dos usuários . Afinal de contas , à medida que os consumidores passam a querer e buscar experiências digitais perfeitas , mais as organizações precisam evoluir suas operações para acompanhar este novo cenário . Não por acaso , pesquisas indicam que as maiores empresas globais deverão investir cerca de US $ 1,78 trilhão em ações de Transformação Digital em 2022 , um claro acréscimo em comparação ao montante de US $ 1,31 trilhão registrado em 2020 .

No entanto , este ritmo acelerado de transformação tem pressionado cada vez mais as equipes de desenvolvimento e operações ( DevOps ) a se moverem mais rapidamente , sem comprometer a qualidade do serviço entregue aos clientes . Neste ambiente atual , espera-se que essas equipes criem e lancem atualizações incrementais menores para suas aplicações , às vezes com lançamentos várias vezes ao dia . Apenas alguns anos atrás , vale lembrar , as equipes provavelmente entregariam uma grande atualização por trimestre .
Como resultado dessa pressão crescente , temos visto que até mesmo as grandes corporações globais , inclusive nas organizações que são reconhecidas pelos mais altos padrões de experiências digitais , estão sendo diariamente desafiadas a lutar contra possíveis pausas e incidentes na performance dos sistemas . A interrupção da oferta de uma aplicação , hoje , tem o potencial de deixar usuários e corporações inteiras longe do acesso a dados fundamentais para a geração de valor aos negócios e aos usuários finais .
Por isso , para que as organizações inovem sem prejudicar a experiência do usuário , é preciso que as empresas da era digital adotem práticas de desenvolvimento e soluções modernas e inteligentes que ajudem a mitigar as ameaças , garantindo a real observabilidade sobre a performance das aplicações . É por meio dessa postura que os líderes poderão reduzir os riscos e os erros inesperados , além de melhorar a qualidade do código e aliviar a carga das equipes de DevOps . Isso é necessário pois os ciclos de inovação ficaram mais rápidos e as demandas mais urgentes .
Pesquisas recentes da Dynatrace indicam que as organizações esperam que a frequência de seus lançamentos de software aumente 58 % até 2023 . Mas muitas dessas companhias terão dificuldade em acompanhar este ritmo planejado , uma vez que as equipes de DevOps já lutam com as cargas de trabalho existentes .
À medida que a complexidade de TI aumenta , as demandas de tempo das equipes de DevOps aumentam ainda mais . Até porque escrever códigos é apenas parte da batalha vivenciada diariamente por esses profissionais . Além dessa etapa , há testes manuais demorados , cadeias de configuração e integração de ferramentas cada vez mais fragmentadas e a explosão de dados resultante da mudança para a nuvem . Todo esse conjunto de tarefas certamente adiciona atrito ao processo de desenvolvimento .
Com tanto trabalho para fazer e sem recursos adicionais , a pressão sobre as equipes de DevOps pode forçá-las a sacrificar a qualidade do código . Como resultado , é mais provável que erros de codificação passem pela rede , prejudicando os
Fernando Mellone , diretor de Vendas da Dynatrace
Pesquisas indicam que as maiores empresas globais deverão investir cerca de US $ 1,78 trilhão em ações de Transformação Digital em 2022 .
www . intelligentcio . com / latam-pt INTELLIGENTCIO AMÉRICA LATINA 37