Intelligent CIO LATAM Issue 14 - Page 82

PALAVRA FINAL

Do digital para a transformação contínua

Brad Revell , diretor sênior e chefe de Estratégia Digital da Infor , analisa por que a Transformação Digital não é mais adequada como conceito e destaca a importância de promover uma cultura de transformação contínua para impulsionar o desempenho e a prosperidade futuros

A

Transformação Digital dominou as agendas da diretoria nos últimos anos , impulsionando formas modernas de trabalho , novos modelos de negócios e maior valor para o cliente . A pandemia , em particular , acelerou muitas iniciativas de digitalização , pois as organizações enfrentaram uma necessidade urgente de adotar modelos de trabalho remoto e acomodar mudanças extremas na demanda .
O valor da tecnologia foi plenamente aproveitado , tornando o investimento mais justificável , e os conselhos aceitaram muito mais a necessidade de mudança . Paralelamente , a nuvem como um modelo de implantação , juntamente com recursos modernos de integração liderados por API , impulsionou uma mudança radical .
A nuvem não apenas facilita maior escalabilidade , segurança e capacidade para os CIOs investirem em novas tecnologias , mas também permite que dados de toda a organização , incluindo entidades , sejam consolidados para criar insights dinâmicos e aprofundados . Por sua vez , isso permite que as abordagens da arte e da ciência para administrar um negócio convirjam e forneçam valor aprimorado no processo . Mas , embora mudanças nesse sentido sejam , obviamente , extremamente positivas , há uma falha .
Uma definição falha ?
Isso ocorre porque na maioria dos casos , pelo menos , a transformação normalmente denota um evento único . “ Uma mudança completa em alguém ou alguma coisa ”, de acordo com o dicionário Oxford , a transformação geralmente
82 INTELLIGENTCIO AMÉRICA LATINA www . intelligentcio . com / latam-pt