Intelligent CIO LATAM Issue 11 - Page 74

O BRASIL SERÁ VITRINE PARA O MUNDO COM O EMBARQUE BIOMÉTRICO . ESTAMOS EMPOLGADOS COM O USO DESSA TECNOLOGIA .
OBSERVATÓRIO DA INDÚSTRIA
“ O Brasil será vitrine para o mundo com o embarque biométrico . Estamos empolgados com o uso dessa tecnologia na ponte aérea mais importante do país e não temos dúvidas de que outros aeroportos também adotarão ”, acrescentou Ronei Glanzmann , secretário nacional de Aviação Civil .
ágil e segura da identidade do passageiro e atende à Lei Geral de Proteção de Dados , que tem como premissa a segurança no tratamento dos dados pessoais do cidadão contra uso indevido ou não autorizado . “ Assim , o passageiro pode viajar com mais conforto e tranquilidade ”, concluiu .
Caio Mario Paes de Andrade , secretário especial de Desburocratização , Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia , destaca a agilidade , facilidade e segurança propiciadas à população pela transformação digital do governo brasileiro . “ É uma revolução de cultura e de comportamento que vem sendo muito bem absorvida pela população . A plataforma do governo , o GOV . BR , já atingiu 123 milhões de usuários , quando assumimos , em janeiro de 2019 , o número era de 1,8 milhão ”, ressalta .
“ Prova da evolução digital brasileira é que agora , em segundos , a identidade dos passageiros passa ser atestada , tornando sua experiência nos aeroportos muito mais rápida e cômoda ”.
O GOV . BR é a plataforma de relacionamento do governo brasileiro com o cidadão que hoje já conta com 4,9 mil serviços – 73 % deles totalmente digitalizados .
Para o presidente do Serpro , Gileno Barreto , a assinatura do acordo de cooperação é um passo importante para tornar o embarque biométrico uma realidade nos aeroportos brasileiros . “ Estamos a um passo de colocar o Brasil na vanguarda do setor aéreo . A tecnologia , que combina análise de dados e validação por biometria , foi amplamente testada e vai assegurar uma experiência inovadora a todos os brasileiros ”.
O presidente do Serpro ressalta , ainda , que o Embarque + Seguro permite uma conferência precisa ,
Brigadeiro Paes de Barros , presidente da Infraero , comemora , com orgulho , o fato de o Brasil ser o primeiro país a ter o embarque 100 % digital numa ponte aérea . “ O Embarque + Seguro está se tornando realidade depois de muitos testes e compromisso das partes envolvidas . Seguimos priorizando a segurança e a agilidade nos processos aeroportuários . De forma singular e talvez inédita , estamos unindo o “ Security ” e o “ Facility ” que naturalmente tendem para lados opostos . O Embarque + Seguro vai quebrar esse paradigma ; teremos mais facilidades com muito mais segurança ”, afirmou .
Como funciona
Para os passageiros , o procedimento começa no momento do check-in . Por meio dos seus dados pessoais , CPF e uma foto do viajante , o atendente da companhia aérea usa o aplicativo desenvolvido pelo Serpro para realizar a validação biométrica do cidadão , comparando os dados e a foto , tirada na hora , com as bases governamentais .
Uma vez validado , o passageiro fica liberado para acessar a sala de embarque e a aeronave , passando pelos pontos de controle biométricos que fazem a identificação e validação por meio de câmeras , sem que o viajante precise apresentar documento de identificação e cartão de embarque . O Embarque + Seguro garante a proteção total dos dados dos usuários .
Para tripulantes , no momento do controle de acesso à Área Restrita de Segurança ( ARS ), um equipamento de leitura biométrica coleta a leitura facial do tripulante e valida os parâmetros biométricos junto à base de dados da CHT Digital , iniciativa da Anac , confirmando se o indivíduo é tripulante da aviação civil e a validade do documento .

O BRASIL SERÁ VITRINE PARA O MUNDO COM O EMBARQUE BIOMÉTRICO . ESTAMOS EMPOLGADOS COM O USO DESSA TECNOLOGIA .

Em caso positivo , o profissional terá o acesso liberado sem a necessidade de apresentação de documentos , evitando o contato entre ele e o agente de controle de acesso aos documentos ( procedimento touchless ). Em caso negativo , a CHT do tripulante e o documento de identificação do operador aéreo poderão ser verificados e validados manualmente . O procedimento de controle de acesso , por meio de biometria facial , não exime o tripulante de se submeter à inspeção de segurança aeroportuária . p
74 INTELLIGENTCIO AMÉRICA LATINA www . intelligentcio . com / latam-pt