A Voz dos Reformados - Edição n.º 166 A Voz dos Reformados - Edição n.º 166 - Page 7

Julho/Agosto 2020 | A Voz dos Reformados 7 Informação MURPI aprova moção sobre ADSE Na Assembleia Geral de 15 de Julho, a Confederação Nacional de Reformados, Pensionistas e Idosos – MURPI, depois de analisar a situação resultante do atraso de pagamento dos reembolsos dos beneficiários do Instituto de Proteção e Assistência na Doença (ADSE), aprovou uma moção a exigir a regularização dos pagamentos aos beneficiários dos reembolsos do regime livre, bem como a admissão de trabalhadores para este organismo, através de concursos céleres. Considerando que tomada de posse da presidente do Conselho Diretivo do ADSE dá início a um «novo rumo», o MURPI propõe, com caráter urgente e prioritário, o acerto de contas com os prestadores privados de saúde, em falta desde 2015, e a integração como beneficiários dos trabalhadores com contrato individual de trabalho. Espaço de discussão A Assembleia, que decorreu no auditório do Sindicato dos Trabalhadores da Administração Local (STAL), em Lisboa, foi, também, «espaço de discussão dos problemas presentes, tendo em conta a situação excecional que vivemos», salientou Casimiro Menezes, presidente da Direção do MURPI, saudando a presença, na «atual situação de pandemia», das associações e federações de Braga, Porto, Leiria, Lisboa, Setúbal, Évora e Beja. Intervieram de seguida Manuel Passos (Setúbal), José Grulha, Ricardo Galhardo (Évora), Piedade Canhoto, António Anastácio (Lisboa), Joaquim Gonçalves (Setúbal), Bernardo Loff (Beja), Saul Fragata (Leiria) e Isabel Quintas (Lisboa). Em cima da mesa estiveram temas como o aumento das despesas e do custo de vida, pelo que o Caderno Reivindicativo do MURPI para 2021 deverá incluir, entre outras matérias o aumento das pensões; a abertura de associações de Évora e de Setúbal, bem como a pressão dos sócios para a reabertura de outras; a necessidade de alteração das regras dos lares de idosos. No terceiro ponto da ordem do trabalhos, foi apre- NOME: BOLETIM DE ASSINATURA MORADA: LOCALIDADE: CÓD. POSTAL: TEL./ TELM.: E-MAIL: a voz dos reformados Jornal dos Reformados, Pensionistas e Idosos Jornal 1 ano 5 € / 2 anos 10 € Novo Renovação Donativo € Data / / O assinante O pagamento no ato da assinatura, pode ser feito por vale de correio ou cheque, emitido ao MURPI, para o endereço: RUA OVAR - LT 548, 1 C, 1950-214 LISBOA. Pode, ainda, ser efectuado por transferência bancária para o NIB 0035 2177 0000 9361 7305 9 , devendo neste caso avisar por e-mail para murpi@murpi.pt. FARPIBE/MURPI NO DISTRITO DE BEJA R: DOS AÇOUTADOS 18 • 7800-493 BEJA FARPIE/MURPI NO DISTRITO DE ÉVORA R DE MACHEDE 53 • 7000-864 ÉVORA- FARPIL/MURPI NO DIST. DE LISBOA R OVAR 548 1 C • 1950-214 LISBOA FARPIS/MURPI NO DIST. DE SETÚBAL AV 25 DE ABRIL - EDF MONTE SIÃO TORRE DA MARINHA • 2840-443 SEIXAL sentado o Relatório de Atividades e Contas (que foi aprovado por unanimidade mais tarde) e feita a leitura do Parecer do Conselho Fiscal. Destacado foi, ainda, a necessidade de aproveitar o segundo semestre de 2020 para encontros com as associações para discussão dos problemas que mais afetam os reformados. Aqui, intervieram Augusto Barbosa, vogal suplente da Direção, Casimiro Menezes, Manuel Passos, Edmundo (de Montemor-o-Novo) e Isabel Quintas. A necessidade de contrariar a campanha que se avizinha, de que o País gastou muito com a pandemia, de que não há dinheiro, tem que ser combatida, referiu-se nas intervenções. Federação Distrital de Setúbal retoma atividade Joaquim Gonçalves Por causa da crise pandémica, a Federação Distrital de Setúbal não reuniu nos meses de Março e Abril, até porque a sua sede social encerrou por determinação do município do Seixal, que cedeu o espaço. Recorde-se que, por determinação da Direção-Geral da Saúde (DGS), as sedes de associações de reformados e do movimento associativo fecharam portas. Entretanto, no dia 25 de Maio a direcção da Federação Distrital de Setúbal realizou uma reunião na Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos (ARPI) de Pinhal Novo, retomando a atividade e a sua reorganização. Decidiu, também, adiar o 19.º Piquenicão Distrital, previsto para 5 de Julho, para o ano de 2021, na Quinta da Marialva, na freguesia de Corroios, Seixal. Na mesma reunião foi definida a colaboração com a Confederação Nacional relativamente ao 42.º aniversário do MURPI, decidido organizar e marcar a Assembleia Geral da Federação para aprovação do Relatório e Contas de Gerência para o dia 27 de Junho, visto que a mesma não foi possível realizar no mês de Março, e estabelecido solicitar uma reunião com a diretora da Segurança Social de Setúbal e contactar a Câmara Municipal do Seixal para, entre outras temáticas, a concretização, já definida em protocolo com esse município, de um seminário sobre saúde e mobilidade, no final de 2020. Prosseguir o trabalho No dia 24 de Junho, a Direção voltou a reunir na ARPI de Pinhal Novo onde foi decidido prosseguir o Plano de Atividades da Federação para o ano corrente, nomeadamente remarcar as sessões conjuntas com a Confederação nas associações do Barreiro e Corroios, as quais não foram realizadas pelo encerramento das suas sedes sociais, por causa da COVID-19. Paralelamente, foi definida a organização do salão e as respectivas medidas sanitárias para a realização da Assembleia Geral, a qual foi concretizada com êxito. Exemplos a destacar Entretanto, são exemplares as medidas tomadas pela ARPI de Pinhal Novo para a abertura do seu bar, tendo o presidente da Associação contactado a Direção Geral da Segurança Social informando que, a partir de Julho, queria abrir as suas instalações aos sócios para serviço de bar. Em resposta, a Segurança Social deu a conhecer que poderia abrir portas desde que cumprisse as regras definidas pela DGS, isto é, entre outras, o isolamento do balcão, o uso da máscara e o distanciamento entre mesas. Estão também a funcionar, nos mesmos moldes, as associações de reformados do Barreiro, do Norte da Baixa da Banheira, de Alcochete e de Alhos Vedros. Esperamos que outras associações tomem a mesma iniciativa ou outras iniciativas, para a retoma da atividade, porque a vida dos idosos não pode ficar suspensa perante o surto epidérmico. FARPIP/MURPI NO DISTRITO DO PORTO R DE CONTUMIL BL1 ENT. 724 CV 18 • 4350-130 PORTO FARPILE/MURPI NO DISTRITO DE LEIRIA R 18 DE JANEIRO 13 • 2430-256 MARINHA GRANDE FARPIR/MURPI NO DIST. DE SANTARÉM R DR BERNARDINO MACHADO 17 • 2090-051 ALPIARÇA MURPI • Confederação Nacional de Reformados Pensionistas e Idosos RUA OVAR, 548, 1.º C – 1950-214 LISBOA | Telef. 218 586 081 | murpi@murpi.pt | www.murpi.pt www-facebook.com/MURPI-Confederação-Nacional-de-Reformados-Pensionistas-e-Idosos